band.com.br

Tamanho de fonte
Atualizado em quinta-feira, 30 de agosto de 2012 - 15h17

Contêiner é opção de moradia sustentável

As construções ficam prontas em aproximadamente quatro meses
Projeto do Casa Container, localizado na Graja Viana, em São Paulo / Divulgação/Projeto Casa Container Projeto do Casa Container, localizado na Graja Viana, em São Paulo Divulgação/Projeto Casa Container

Quem olha de longe parece avistar uma casa de brinquedo, semelhante às construções de Lego. Ao avançar pelos espaços e observá-los com mais atenção, logo se nota uma casa charmosa, confortável, funcional e, o mais importante, mais sustentável e econômica.

Para quem pensa em construir a casa própria, a casa-contêiner pode ser uma boa opção, principalmente quando se pensa em mobilidade. Segundo o arquiteto Danilo Corbas, fazer construções que não sejam fixas resulta em várias utilidades.

"Essas construções podem ser temporárias. Elas não são feitas para ficar em um determinado terreno. Podem ser boas soluções para o comércio, por exemplo. Outra questão que pode ser trabalhada é o estoque de casas. Em regiões que chove muito, os desabrigados poderiam ser atendidos por habitações de emergência guardadas", explica.

Apesar do engajamento social, a ideia de trabalhar com projetos e construções do tipo nasceu de uma busca estética, segundo o arquiteto. "Sempre quis trabalhar com estética industrial e trazer essa ideia para o residencial e encontrei no contêiner a solução", diz.

Corbas afirma que não é difícil conseguir um bom contêiner, mas que antes de começar a procurar é preciso ter um bom projeto. "Diversas empresas comercializam, mas é preciso saber qual o tipo ideal, por isso a importância do projeto", conta.

Além da mobilidade, outra grande vantagem da construção é a economia. "Ela pode ser até 35% mais econômica. Isso em termos de construção civil é muito. O segredo é o peso da construção, porque a fundação custa menos, já que a estrutura é mais leve", afirma.

"Se eu quiser adotar o container aparente, não gasto com revestimento externo. Além disso, a geração de resíduo é menor", completa.

Para quem se animou, é importante lembrar que, assim como nas demais construções, é preciso conhecer os processos da prefeitura para a aprovação do projeto e pedido do Habite-se.

Cadastrando-se em nossa newsletter, você receberá diariamente em seu e-mail as últimas Notícias de Viva-Bem do Band.com.br
Aceito receber e-mails da Band e parceiros