band.com.br

Tamanho de fonte
Atualizado em sexta-feira, 3 de junho de 2011 - 17h45

Óleo de algodão torna alimentação mais saudável

Os benefícios do óleo de algodão são mantidos mesmo após o seu aquecimento, durante o processo de fritura
Foto da Abrapa mostra plantação de algodão / Foto: Divulgação/Abrapa Foto da Abrapa mostra plantação de algodão Foto: Divulgação/Abrapa

Muito consumido até a década de 50 no Brasil, o óleo de algodão voltou com força total ao mercado, sendo uma ótima opção para preparo de alimentos fritos. Entre as vantagens nutricionais apresentadas pelo óleo de algodão destacam-se o fato de ser rico em vitamina E (antioxidante natural que auxilia no combate aos radicais livres); fonte equilibrada de ômega 3 e ômega 6; e livre de gorduras trans.

Esses benefícios são mantidos mesmo após o seu aquecimento durante processo de fritura, o que não acontece com os outros óleos vegetais. Além disso, o óleo de algodão apresenta um rendimento superior aos outros e também maior resistência à oxidação, o que permite ser utilização por mais vezes com boa qualidade e características sensoriais.

Ele é considerado uma das melhores opções para substituir as gorduras hidrogenadas na preparação de alimentos, já que essas últimas não são totalmente sintetizadas pelo organismo humano. Com isso, elas ficam acumuladas nas artérias, podendo causar doenças cardiovasculares e outros danos para a saúde.

A Granprie, distribuidora do óleo de algodão em Minas Gerais, afirma que, no Estado, o produto é distribuído somente a grandes atacadistas como restaurantes, padarias e lanchonetes. A empresa recomenda ao consumidor de todo o país que ele confira nas embalagens dos produtos - especialmente no caso de alimentos fritos - se eles possuem como ingrediente o óleo de algodão.

Cadastrando-se em nossa newsletter, você receberá diariamente em seu e-mail as últimas Notícias do Band.com.br
Aceito receber e-mails da Band e parceiros