Tamanho de fonte
Atualizado em sexta-feira, 7 de abril de 2017 - 09h04

OMS lança campanha para falar sobre a depressão

Doença afeta 322 milhões de pessoas no mundo, segundo entidade
Conversar sobre depressão é o primeiro passo para reduzir o estigma associado a ele, acredita a OMS / FreeImages.com Conversar sobre depressão é o primeiro passo para reduzir o estigma associado a ele, acredita a OMS FreeImages.com

Com o lema Let’s talk ("Vamos conversar"), a Organização Mundial da Saúde(OMS) quer chamar a atenção para um problema de dimensão global: a depressão, que afeta 322 milhões de pessoas no mundo, segundo a entidade, e se tornou a principal causa de incapacidade no planeta. É esse o tema deste ano do Dia Mundial da Saúde, celebrado nesta sexta-feira, 7 de abril.

Conversar sobre depressão é o primeiro passo para reduzir o estigma associado a ele, acredita a OMS. A ideia ao abordar o tema é que cada vez mais pessoas procurem ajuda. Afinal, a doença pode ser prevenida e tratada. Mas, para isso, é necessário entender o problema e saber como identificá-lo.

Em geral, pessoas com depressão apresentam sintomas como ansiedade, distúrbios do sono e de apetite, sentimentos de culpa ou baixa autoestima e falta de concentração. E o transtorno pode afetar também em diferentes níveis – leve, moderado ou grave.
sintomas da depressaoReprodução/Metro Jornal

“Embora esses distúrbios possam atingir pessoas de todas as faixas etárias, o risco está associado a situações de maior vulnerabilidade, como desemprego, doenças físicas e uso de álcool e outras drogas”, afirma o psiquiatra Arthur Guerra de Andrade, coordenador do Núcleo de Álcool e Drogas do Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. “As estatísticas apontam uma prevalência maior de distúrbios de ansiedade e depressão entre as mulheres”, diz Guerra.


Programação

Para entrar no clima, durante todo este mês, uma programação bem diversa e espalhada por todas as regiões da cidade oferece práticas físicas, terapêuticas, oficinas, palestras, cinema, teatro e atividades ao ar livre (veja abaixo).

Confira alguns eventos neste final de semana

 

Sexta-feira (7)

• Aula aberta de Lian Gong, com Tania Aparecida Glauser. Usada para fortalecer o corpo e prevenir dores, a técnica terapêutica chinesa, realizada em pé, sem acessórios, é composta de 54 exercícios divididos em 18 séries cada uma que trabalham a energia interna. Sesc Ipiranga, às 15h15, rua Bom Pastor, 822, Ipiranga (zona sul). Grátis

• Dicas de alimentação e atividades físicas. Durante o dia inteiro, voluntários informam e orientam sobre hábitos saudáveis, com dicas de alimentação, atividades físicas e higiene.  Hospital Municipal Doutor Cármino Caricchio, avenida Celso Garcia, 4.815, Tatuapé (zona oeste). Grátis

• Oficina de florais e depressão. Oficina e exercício de auto- observação com a terapeuta Ana Roxo sobre os florais e a saúde mental. Sesc Santo Amaro, rua Amador Bueno, 505, Santo Amaro, (zona sul), às 14h. Grátis

Sábado (8)

• Workshop sobre alimentação saudável com Bela Gil. A apresentadora e chef de cozinha natural fala sobre alimentação saudável e apresenta receitas rápidas, das 10h30 às 11h30, no Parque do Povo (zona sul de São Paulo); o público poderá ainda fazer exames gratuitos e consultar os especialistas de saúde do Hospital Santa Paula, das 9h às 14h. Parque do Povo,  av. Henrique Chamma, 420 , Vila Olímpia (zona sul). Grátis

• Kundalini Ioga. Participante vai poder conhecer um pouco dessa cultura milenar por meio de ioga e meditação. Sesc Santana, av. Luiz Dumont Villares, 579, Santana (zona norte), às 10h30. Grátis.

• 3ª edição da Virada da Saúde. Estruturadas em quatro eixos (médico-assistencial, bem-estar, cultura e educação), as ações têm foco na prevenção, promoção à saúde e qualidade de vida. Programação inclui aulas de dança de ginástica laboral, tai chi pai lin, lian gong, alongamento e dança circular, práticas corporais e integrativas em saúde. Parque Villa-Lobos, avenida Prof. Fonseca Rodrigues, 2.001, Alto de Pinheiros (zona oeste). Grátis

• Feira da saúde física e mental. Encontro com testes de saúde, avaliação física, composição corporal, nutricional, psicológica e de ansiedade. Sesc Santo Amaro, rua Amador Bueno, 505, Santo Amaro (zona sul), às 11h.

Domingo

• Mutirão da Saúde no Parque Ibirapuera.  Tenda do Instituto Lado a Lado vai oferecer serviços de medição de glicemia, avaliação nutricional, bioimpedância, aferição de pressão e aula coletiva de dança. Parque Ibirapuera, av. Pedro Álvares Cabral, Vila Mariana (zona sul), das 8h às 17h .

• Livroterápicos. Atividade inspirada no poder da literatura, mostra livros que podem ajudar contra males como angústia existencial, ódio e tristeza. Sesc Bom Retiro, alameda Nothmann, 185, Bom Retiro (centro), das 10h às 18h. Grátis.

Assista também: Prevenção garante uma vida mais longa e saudável